sábado, 17 de novembro de 2007

Rodapé

Sentou-se em sua cama.
Pousou a cabeça entre as mãos e chorou. Como nunca havia chorado antes. Como nunca nesses trinta e tantos anos de vida.
A decadência começara pouco a pouco. Quando nascera. Acreditava piamente que o auge da existência de um ser humano era o nascimento. Daí pra frente, tudo o mais é morte.
A sua se acentuara há dez anos atrás, quando sua mulher o abandonara. Sem explicações. Também inexplicavelmente, seu irmão mais velho desaparecera. Exatamente no mesmo dia. As más línguas se deliciaram.
A bebedeira foi inevitável. Anos e anos. Um dia seu pai veio e levou seu filho embora. Ele não se importou. Os amigos, já escassos, se afastaram. Não suportavam mais suas crises histéricas de auto-piedade. Nem sua insuportável tendência de desaparecer na hora de pagar a conta.
As mulheres, que a princípio se encantavam com seu jeito foda-se de ser, logo descobriram ser um embuste. Ele não dizia foda-se ao mundo... dizia foda-se a si mesmo. E a quem estava ao seu lado.
A única coisa que lhe restara era seu emprego. Escritor de obituários.
Mas hoje estava sentado em sua cama, chorando. Em suas mãos, um nome. Causa mortis: suicídio. E ele não conseguia escrever a porra do obituário. Depois de vinte anos fazendo a mesma merda, não conseguia escrever a porra do obituário.
Olhou novamente o papel através das lágrimas.
Manoel Batista de Araújo.
Seu nome de batismo.

8 comentários:

CresceNet disse...

Oi, achei seu blog pelo google está bem interessante gostei desse post. Gostaria de falar sobre o CresceNet. O CresceNet é um provedor de internet discada que remunera seus usuários pelo tempo conectado. Exatamente isso que você leu, estão pagando para você conectar. O provedor paga 20 centavos por hora de conexão discada com ligação local para mais de 2100 cidades do Brasil. O CresceNet tem um acelerador de conexão, que deixa sua conexão até 10 vezes mais rápida. Quem utiliza banda larga pode lucrar também, basta se cadastrar no CresceNet e quando for dormir conectar por discada, é possível pagar a ADSL só com o dinheiro da discada. Nos horários de minuto único o gasto com telefone é mínimo e a remuneração do CresceNet generosa. Se você quiser linkar o Cresce.Net(www.provedorcrescenet.com) no seu blog eu ficaria agradecido, até mais e sucesso. If is possible add the CresceNet(www.provedorcrescenet.com) in your blogroll, I thank. Good bye friend.

ZeRo S/A disse...

Muito bom.

IsaBellinha disse...

Aiiii que lindo, adorei!

alex pinheiro disse...

Do caralho!!! Muito bom,,, e arrisco dizer que só foi bom pq foi rápido,,, Se alongastes mais um tanto seria um clichê inaceitável, rs
Mas ficou perfeito! Bonito de arrepios...

Abraços e féretras invenções!

Paco disse...

um tanto identificável.

manoel caetano disse...

Na prosa ou na poesia , este cara é demais.Eu não teria parado se escrevesse bem assim.
Parabens amigo.

Patrícia disse...

Putz, muito bom!!!!
sabe... aprendi a gostar dessas histórias trágicas, agora quando a história tá bonitinha de mais eu fico sentindo falta de algo...
Beijo, poeta mais lindo do mundo!

Hipacia disse...

Oi Moacir. Bom demais esse texto. Final arrepiante. Gostei. Convido a visitar um blog novo: sufocandoepifanias.blogspot.com. Até mais!

Arquivo do blog